sexta, 12 de julho de 2024
23/06/2023 16:54

Mercado da construção civil contrata ciclo de pesquisas na Foz do Rio Itajaí


O mercado da construção civil no litoral de Santa Catarina é um dos que mais cresce no país em valorização imobiliária e entender o setor é fundamental para quem busca investir. Diante deste cenário, o Sindicato das Indústrias da Construção Civil da Foz do Rio Itajaí (Sinduscon) deu início a um ciclo de pesquisas sobre o mercado da construção civil de Itajaí, Navegantes, Penha e Balneário Piçarras com o objetivo de subsidiar o mercado na definição de estratégias para o setor.

Os resultados serão lançados trimestralmente e apresentarão dados importantes sobre volume de vendas, lançamentos, metragem em construção e oferta final. Com o indicador em mãos, o empresário do setor consegue mapear as áreas que podem ser de maior interesse dos compradores e investidores dentro da zona urbana dos quatro municípios. O universo da pesquisa leva em consideração todos os empreendimentos imobiliários verticais residenciais ou comerciais com unidades ainda em oferta.

De acordo com Guilherme Werner, sócio consultor da Brain Inteligência Estratégica, contratada para desenvolver a pesquisa, o trabalho consiste em monitorar trimestralmente os mercados de Itajaí, Navegantes, Penha e Piçarras. “Isso faz com que os associados do Sinduscon possam ter decisões mais assertivas, pautadas em números sólidos e fidedignos do mercado no que tange à volume de lançamentos, volume de vendas e níveis de estoques das cidades. Com a pesquisa, também será possível identificar tipologias menos estocadas e precificação que tem tido maior liquidez”, pontua Werner.

Jamile Vargas, vice-presidente do Sinduscon da Foz do Rio Itajaí em Navegantes, explica que a pesquisa é fundamental para ter um melhor entendimento do mercado. Conforme Jamile, o levantamento também servirá para ter um entendimento do setor na região, incluindo Penha e Balneário Piçarras, que prosperam com características diferentes. “Essa é a primeira vez na história que Navegantes será incluída em uma pesquisa sobre a construção civil”, pontua.

James Ramos, vice-presidente do Sinduscon em Balneário Piçarras, explica que tanto Balneário Piçarras quanto Penha são mercados que, até pouco tempo, tinham uma indústria imobiliária que poderia ser chamada de “júnior”, mas que vem ganhando cada vez mais destaque na economia local. “A construção civil tomou o papel de protagonista e, como nunca houve pesquisa global do setor, é importante ter um levantamento institucionalizado para mostrar qual realmente é o potencial nestas cidades”, destaca Ramos.




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt