sexta, 12 de agosto de 2022
18/04/2022 18:06

Porto de Itajaí avança com o programa Abril Verde, voltado para a proteção e segurança dos trabalhadores portuários

Atividades de saúde contam com participação de acadêmicos da Univali e Técnicos do SEST/SENAT.

A área portuária e a área administrativa do Porto de Itajaí, desde que iniciou o mês de abril, vem agindo diariamente com mais rigor e maior estado de atenção, através de métodos de prevenção e segurança, com o programa intitulado Abril Verde – ao qual integra o projeto Porto Saudável, e visa destinar 30 dias de conscientização e cuidado aos trabalhadores da Superintendência do Porto de Itajaí (Autoridade Portuária) e área portuária.

Serão quatro semanas de atividades continuas aos servidores.  A primeira semana ficou destinada às reuniões online, para conhecer e demarcar datas e ações, e contou com uma visita com profissionais da Secretaria Municipal de Saúde.

Na segunda semana, foram estabelecidas tendas para testes de glicemia próximo ao Gate 01 do porto e na sede da Superintendência do Porto de Itajaí.

Orientada e organizada pela Coordenação de Meio Ambiente, Segurança de Trabalho e Sustentabilidade (COAMB), a agenda organiza palestras, assim como uma equipe técnica de saúde junto à Universidade do Vale do Itajaí UNIVALI), para assessorar os servidores ao longo do mês. A inciativa ocorre anualmente, e pretende dar qualidade de vida e segurança para os trabalhadores.

“Somos universitários da Univali. Essa ação no Porto de Itajaí podemos considerar muito importante, visto que o Diabetes, a Hipertensão e Pressão Arterial são doenças que podem ser controladas se descobertas precocemente. Ficamos felizes pelo convite. Consideramos esta ação do Porto inteligente de pensar na saúde dos seus colaboradores”, comenta Fernanda Osmari, Acadêmica do 7o período de Enfermagem da Univali.

O mês do Abril Verde também acontece de acordo com a Lei Nº 11.121 de 25 de 2005, instituída em alusão ao Dia Nacional em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças no Trabalho. José Luís, Agente de Autoridade Portuária e membro da COAMB/SPI, destaca quanto a proposta do Abril Verde no Porto de Itajaí:

“O objetivo é desenvolver uma consciência a todos os trabalhadores. Quanto maior for o nível de consciência, mais uma cultura de prevenção existe, uma vez que todas as pessoas conhecem o risco e sabem as ações que precisam ser feitas para eliminar esse risco podem estar salvando uma vida. Conhecendo o correto têm como informar ou acionar as medidas necessárias. E por isso é uma semana muito importante a todos para desenvolver essa prevenção”, pontua José Luís Carpes.

Na terceira semana, será realizado um encontro com uma nutricionista e um psicólogo e contará com uma Van para questões técnicas de prevenção de acidentes. Dentro do programa, está previsto a realização de testes rápidos pela Secretaria Municipal de Saúde e instalações de placas de segurança, que engloba ações da Comissão de Interna de Prevenção a Acidentes.

“Também de forma digital está sendo feito semanalmente prevenção de acidentes, uso correto de EPI’s, capacete com a jugular, para evitar quedas, uso de uniformes de alta visibilidade – coletes, máscaras, ou outras peças que sigam a instrução NBR 15292, complementa José Luís Carpes.

O Programa Abril Verde será exclusivamente voltado durante todo o mês e objetiva campanhas de prevenção em geral. Visando atender esta lei, o Porto de Itajaí desenvolve essa campanha com base nos riscos principais da empresa. Neste ano, estão sendo desenvolvidos ações e avaliações de pressão arterial e também glicemia, contando com uma barraca em frente ao porto para atender os trabalhadores portuários que querem fazer esse teste.

Para a quarta e última semana, o programa Abril Verde reservou todos os seus dias para um treinamento básico em fiscalização preventiva e emergência no transporte terrestre com produtos perigosos. Será uma semana repleta de atividades que mobilizará os servidores que atuam nas áreas administrativas da superintendência, prédio do CIA e Area Portuária, incentivando seus trabalhos, de qualquer origem aliados com mais segurança e qualidade de vida no serviço.

“É com o comprometimento que a Superintendência do Porto de Itajaí, na condição de Autoridade Portuária, executa o programa Abril Verde, que busca atender, com rigor, uma boa gestão, com servidores portuários preparados, saudáveis, seguros e felizes, para que o Porto de Itajaí possa prosperar dentro da Autarquia. Por isso, nada mais do que correto ter um programa que colabore com a saúde e bem estar de todos”, conclui Fábio da Veiga, Superintendente do Porto de Itajaí.




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt