terça, 21 de maio de 2024
14/12/2023 17:00

Porto de Imbituba comemora melhor novembro de sua história


A movimentação do Porto de Imbituba no último mês manteve números expressivos e consolidou um novo recorde mensal para novembro. A atividade portuária registrou a operação de aproximadamente 700 mil toneladas de cargas no mês, resultando em um crescimento de 23,3% em comparação ao mês anterior. Se comparado ao mesmo período do ano passado, o aumento foi de 20%. O recorde anterior para o mês de novembro era de 2012, quando foram operadas 590 mil toneladas.

Em novembro, foram atendidos 19 navios, o que resultou em uma média de 36,8 mil toneladas por embarcação. Esta quantidade é 43,5% superior à média/navio apresentada nos demais meses deste ano, o que demonstra o recebimento de maiores volumes por operação. As exportações continuam como o principal fluxo dos produtos que passaram pelo Porto e, dentre todos os embarques e desembarques, os maiores volumes operados foram o coque de petróleo, sal, soja, farelos de milho e de soja e contêineres.

“Tudo que Santa Catarina produz, nosso Estado faz com excelência. É por isso que nossos produtos são tão procurados por países do mundo inteiro”, disse o governador Jorginho Mello.

Para o secretário de Portos, Aeroportos e Ferrovias (SPAF), Beto Martins, os números seguem confirmando o crescimento no desempenho do Porto. “Um reconhecimento ao trabalho e gestão portuária que vem resultando em produtividade na movimentação de cargas”, afirma Martins.

Já o diretor-presidente da SCPAR Porto de Imbituba, Urbano Lopes de Sousa Netto, explica que o novo recorde histórico para novembro, se alia a nova marca de movimentação anual total, demonstrando que o Porto de Imbituba vem se consolidando como uma alternativa logística competitiva para o transporte de cargas, seja na exportação, importação ou cabotagem. Como exemplo, podemos citar a elaboração da consignação média dos navios em que cada embarcação leva uma maior quantidade de cargas, reduzindo o frete de modo geral”, complementou o gestor.

Em 2023, o Porto vem apresentando uma média anual de movimentação de 637 mil toneladas por mês. No somatório do ano, já foram transportadas através de Imbituba mais de 7 milhões de toneladas em 270 navios. A liderança das exportações (52,4% do total) vem acompanhada de alta de 47,3% na tonelagem enviada ao exterior, se comparado ao realizado de janeiro a novembro de 2022. No sentido inverso, as importações garantiram a fatia de 36% das operações, mesmo apresentando retração de 21,8% em relação ao mesmo período do ano passado. Já a cabotagem, navegação dentro do Brasil, representou 11,6% da movimentação do Porto, o que mostra uma queda de 5,6% na tonelagem da carga em relação ao ano passado.

As principais cargas transportadas no ano foram do segmento de granéis sólidos (82,9% do total). No ranking geral de movimentação, aparecem no topo o coque de petróleo, farelos de milho e soja, contêineres, sal, milho e soja. Um adendo especial aos recordes de movimentação no ano das cargas de sal e farelos. Completam a lista, os fertilizantes, hulha betuminosa, toras de madeira, trigo, malte/cevada, ferro gusa, dentre outros produtos. Inclusive, o sorgo (cereal) exportado à África para produção de cervejas, estreou em novembro sua movimentação em 2023 com um embarque de 33 mil toneladas.

Segundo dados do Governo Federal, as operações de importação e exportação em Imbituba movimentaram mais de 1,8 bilhão de dólares até novembro deste ano.

Nas exportações, de janeiro a novembro, os cinco “top” países de destaque foram: Singapura, Irã, China, Vietnã e Portugal. Seguindo o mesmo escopo e no mesmo período, em relação às importações, os destaques ficaram por conta dos EUA, Chile, Colômbia e Argentina.

Até dezembro, a expectativa da Autoridade Portuária é que o Porto movimente em torno de 7,6 milhões de toneladas. Se confirmado, o resultado trará um fim de ano com um novo recorde histórico e um crescimento de 6,7% em relação ao ano anterior.




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt