quarta, 10 de agosto de 2022
11/04/2022 18:00

FGTS 2022: Saiba tudo sobre a nova rodada de saques

Caixa liberou a consulta aos valores e ao calendário do saque extraordinário do FGTS 2022

A Caixa Econômica Federal liberou a consulta aos valores e ao calendário do saque extraordinário do FGTS 2022. A liberação dos recursos faz parte do pacote de medidas anunciado pelo governo federal para estimular a economia brasileira. A estimativa é injetar cerca de R$ 30 bilhões na economia com os saques do fundo.

Para consultar os valores e quando será possível sacar é necessário baixar a nova versão do aplicativo FGTS, disponível para download na Apple Store e na Play Store do Google. Também é possível fazer a consulta pelo site da Caixa ou pessoalmente, no balcão de atendimento das agências da Caixa.

Na última sexta-feira (8), primeiro dia de liberação a consultas do saque, o aplicativo apresentou falhas e instabilidade. Segundo a plataforma Downdetector, que acompanha problemas de acesso, 56% dos relatos envolvem login no aplicativo em dispositivos móveis.

A Caixa informa que “a nova versão do aplicativo está sendo liberada gradualmente aos usuários” e que “alguns serviços pontuais de aplicativos apresentaram intermitência momentânea na manhã desta sexta-feira”, mas “foram prontamente restabelecidos e operam em normalidade”.

Quem pode receber

Poderá sacar qualquer pessoa que tenha uma conta ativa ou inativa no Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). No entanto, os valores que estiverem bloqueados na conta, como garantia de operações de crédito de antecipação de saque aniversário, por exemplo, não poderão ser sacados.

Quando sacar o dinheiro

O calendário de saques varia de acordo com a data de aniversário do trabalhador.

Nascidos em: Recebem em:
Janeiro 20/04
Fevereiro 30/04
Março 04/05
Abril 11/05
Maio 14/05
Junho 18/05
Julho 21/05
Agosto 25/05
Setembro 28/05
Outubro 01/06
Novembro 08/06
Dezembro 15/06

Como consultar os valores

Cada trabalhador poderá sacar um limite máximo de R$ 1 mil, mesmo que tenha mais de uma conta vinculada ao FGTS. Quem tiver menos de R$ 1 mil vai sacar menos. 

Para saber o valor exato e a data que irá sacar, basta baixar o aplicativo do FGTS e seguir os seguintes passos:

  • Preencher o CPF e senha (pode ser a antiga ou cadastrar uma nova);
  • Responder um questionário de segurança, com informações pessoais;
  • Ler e aceitar as condições do serviço;
  • Clicar em Saque Extraordinário.

Pelo aplicativo também é possível informar que não deseja receber o dinheiro, uma vez que o saque não é obrigatório. Neste caso, o valor vai continuar na conta do FGTS do trabalhador.

Como sacar o valor

Na data disponível para saque, os valores serão creditados na poupança social digital. Pelo aplicativo Caixa Tem, é possível fazer a movimentação dos valores digitalmente, como transferências, Pix, pagamento de boletos e contas ou utilizar o cartão de débito virtual e QR Code para fazer compras em estabelecimentos. 

O dinheiro ficará disponível para saque até 15 de dezembro de 2022.

Vale a pena sacar o FGTS extraordinário?

O economista Ciro de Avelar afirma que vale a pena sacar o dinheiro do FGTS mesmo que o trabalhador não tenha nada de emergencial para resolver, já que os R$ 1 mil aplicados na caderneta de poupança ou no Tesouro Direto rendem mais do que deixar esse valor parado no Fundo de Garantia. 

A dica de Ciro de Avelar é: se tiver que priorizar a sobrevivência pessoal e da família ou o pagamento de dívidas, opte pela primeira opção. 

“Antes de mais nada, utilizem esse recurso. Mas usar com sabedoria, com inteligência. Usar para garantir a sua subsistência e de sua família. Existe uma expectativa de alta dos alimentos, dos combustíveis, do gás de cozinha, da energia elétrica. Se não precisar gastar agora, saca e deixa o dinheiro guardado para alguma emergência que, eventualmente, vai acontecer ao longo do ano”, recomenda.



Fonte: Brasil 61




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt