terça, 26 de maio de 2020
10/03/2020 08:30

Maersk vincula nova linha de crédito rotativo de US $ 5,0 bilhões ao seu desempenho de CO2


A Maersk assegura uma nova linha de crédito rotativo de US$ 5,0 bilhões vinculada à sustentabilidade, por meio de um grupo de 26 bancos selecionados. Este é o primeiro refinanciamento bancário organizado pela Maersk após sua transformação de um conglomerado diversificado em uma empresa global de logística de contêineres.

A instalação refinancia o valor de US$ 5,1 bilhões com vencimento em 2021 e prazo de cinco anos, que pode ser prorrogado por até dois anos. Isso fará parte da reserva de liquidez da empresa.

“Recebemos forte apoio de nossos bancos de relacionamento global. Estamos satisfeitos com os termos e condições da nova operação. Com ela, ampliamos o perfil de maturidade de nossos compromissos financeiros, alinhando-nos aos de sustentabilidade ”, destaca Henriette Hallberg Thygesen, CEO da Fleet & Strategic Brands.

A margem de crédito sob a operação será ajustada com base no progresso da Maersk para cumprir sua meta de reduzir as emissões de CO2 por carga movimentada em 60% até 2030, o que é significativamente mais ambicioso do que a meta da IMO de 40% até 2030 (com base em valores de 2008).

Em 2018, a Maersk anunciou seu compromisso de se tornar neutra em carbono até 2050. O novo mecanismo financeiro afirma os esforços da Maersk para impulsionar a sustentabilidade em suas operações e cadeias de suprimentos.

“Estamos determinados a alcançar nosso objetivo final de nos tornarmos totalmente neutros em carbono até 2050, e esse acordo serve como outro facilitador para cumprirmos essa ambição. Dada a vida útil de nossa frota, precisamos encontrar soluções novas e sustentáveis para impulsionar nossas embarcações nos próximos 10 anos. Para cumprir esse ambicioso compromisso, estamos em parceria com pesquisadores, reguladores, desenvolvedores de tecnologia, clientes, fornecedores de energia e agora bancos ", explica Henriette.




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt