domingo, 31 de maio de 2020
02/03/2020 15:46

Plataforma inova no modelo de negócios e oferece cursos e certificados 100% gratuitos

Após um breve cadastro (apenas nome, e-mail e senha), o usuário pode realizar sua matrícula e iniciar imediatamente os estudos.

O mercado das Edtechs (tecnologias que melhoram a aprendizagem) faturou mais de 160 bilhões de dólares em 2017 e deve chegar aos 252 bilhões em 2020. Tradicionalmente o faturamento das empresas do ramo decorre do pagamento realizado pelos usuários dos serviços. No entanto, a Kultivi, plataforma educacional que disponibiliza cursos preparatórios para concursos, ENEM, OAB, Revalida, negócios e idiomas, inovou no modelo de negócios. Todos os cursos e tecnologias oferecidas são gratuitas aos usuários. A remuneração da empresa vem dos parceiros, patrocinadores e do licenciamento da marca, entre outros.

 

Crise gerou a oportunidade

A ideia surgiu em meio à grave crise econômica dos últimos anos, com taxas astronômicas de desemprego e a necessidade crescente de qualificação profissional. Para ajudar o país a diminuir as desigualdades educacionais e qualificar os brasileiros para o mercado de trabalho, bem como para dar subsídios teóricos ao sucesso dos empreendedores, a Kultivi passou a oferecer todos os seus cursos gratuitamente. Até mesmo na hora da emissão do certificado de conclusão não há nenhuma cobrança direta ao usuário.

Após um breve cadastro (apenas nome, e-mail e senha), o usuário pode realizar sua matrícula e iniciar imediatamente os estudos.

Além das aulas expositivas em vídeos (com duração média de 30 minutos), os alunos têm acesso ilimitado aos bancos de exercícios, ao material didático de apoio (disponível para download em todas as aulas), e-books interativos, publicações com conteúdo extra e dicas de estudo. "Toda a plataforma foi desenvolvida com base na experiência do usuário. O cadastro é rápido, a navegação no portal é intuitiva e todo o conteúdo é realmente gratuito", explica Thomas de Freitas, designer responsável pelo projeto.

Reconhecimento

Os números impressionam. Já são cerca de 450 mil alunos matriculados na plataforma e mais de 200 mil inscritos no canal da startup no YouTube. "A nossa satisfação é enorme quando recebemos o feedback dos alunos. São histórias emocionantes de pessoas que conquistaram a sonhada vaga na universidade, a carteira profissional da OAB, a aprovação no concurso público ou a meta de falar um novo idioma. Tudo isso sem nenhum custo", diz Andressa Almeida, coordenadora pedagógica do projeto.

Em novembro de 2018 a Kultivi foi finalista da etapa nacional do projeto Capital Empreendedor do Sebrae, que selecionou as startups brasileiras com maior potencial para receber investimentos. Já em 2019, a startup foi selecionada para o programa de aceleração da PUC/PR e hoje encontra-se no ecossistema de inovação da HotMilk, ligado à Universidade e situado em Curitiba.




Últimas Notícias

Notícias

© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt