quarta, 16 de outubro de 2019
06/03/2017

Adiada temporariamente a paralisação dos motoristas de Itajaí e região


O Sindicato dos Transportadores Autônomos de Contêineres e de Cargas em Geral de Itajaí e Região (Sintracon) resolveram suspender no sábado a paralisação do motoristas que atuam no transporte de contêineres para os portos de Itajaí, Imbituba, Itapoá e Navegantes, com a adesão de mais de 80%. A decisão foi tomada após a Seara Alimentos obter uma liminar na Justiça que proibiu os manifestantes de impedir a circulação de caminhões com cargas da empresa em direção aos portos.

Uma reunião da categoria com os representantes das empresas contratantes em Itajaí, Navegantes e Itapoá foi marcada para segunda-feira, às 14h, no auditório do Porto de Itajaí, onde os caminhoneiros tentarão acertar novos valores de frete.

Os motoristas autônomos reivindicam uma tabela de preços de fretes e melhores condições de trabalho. Celso Bressiani, assessor do Sintracon e um dos coordenadores do movimento, explica enquanto o frete de 15 quilômetros para um contêiner vazio custa em Santos R$ 239,32, em Itajaí custa R$ 90,00, para o trajeto de 16 quilômetros. O mesmo trecho, para o transporte de contêineres cheios, custa R$ 259,38 em Santos e R$ 220 em Itajaí.

A paralisação deve prosseguir até que as reivindicações do setor sejam atendidas, informa o Sintracon.



© Copyright 2000-2014 Editora Bittencourt